Eventos

UFRJ e ABBI oferecem curso de capacitação em Bioeconomia

Aulas acontecem entre 5, 17 e 26 de maio e 2 e 9 de junho
Print this pageEmail this to someoneShare on Google+Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

O programa de Capacitação em Bioeconomia e Inovação foi desenvolvido pelo Grupo de Estudos em Bioeconomia da Escola de Química da UFRJ. Sua primeira edição foi realizada em junho de 2016 no Rio de Janeiro, com o apoio da ABBI, e contou com a participação de 15 profissionais de diversas instituições ligadas à bioeconomia tais como BNDES, FINEP, ABIQUIM, INPI, SEBRAE e UFRJ. Uma versão curta do programa foi realizada com o patrocínio da CNI em Brasília em novembro de 2016.

A segunda turma do programa, uma realização conjunta do Grupo de Estudos em Bioeconomia da Escola de Química da UFRJ, da ABBI e da CNI, com o apoio da ABIQUIM, ABAG, ABIHPEC e itehpec, será oferecida em São Paulo nos meses de maio e junho de 2017.

Dinâmico, o programa será desenvolvido em 10 sessões, agrupadas em 5 dias nos períodos da manhã e da tarde. Cada sessão terá a duração de 4 horas-aula. A última sessão será um workshop para aplicação dos conceitos apresentados ao caso brasileiro. O curso será ministrado de forma interativa, explorando vídeos curtos, estudos de casos, exercícios de aplicação e outras formas de apresentação dos conceitos, além das apresentações ppt clássicas. Para cada sessão, serão indicados aos participantes, além das apresentações e textos de discussão, artigos ou capítulos de livros selecionados que sejam referências para leituras complementares sobre o tema.

Público alvo

O curso foca em profissionais de formação superior em áreas variadas (engenharia, química, biologia, economia, administração e outras) com atuação ou interesse na bioeconomia. Esses profissionais estão de modo geral em empresas (indústria química, petroquímica, biocombustíveis, papel e celulose, petróleo, alimentos, cosméticos), fundos de investimento, instituições de ensino e pesquisa, órgãos de governo, associações envolvidas ou interessadas nos segmentos da bioeconomia. O número de participantes é limitado a 30.

 Inscrições e informações podem ser obtidas no site do programa.