Posts

Bolsista que desenvolve pesquisa no CTBE recebe premiação do CREA-SP

Conselho do estado de São Paulo reconhece, anualmente, alunos com excelente desempenho acadêmico; prêmio está na 21ª edição

O bolsista Renan Yuji Miyamoto, que desenvolve projeto de mestrado no Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia (CTBE), integrante do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM) faz parte de um seleto grupo de alunos homenageados pelo Conselho Regional Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo (CREA-SP) com o Prêmio de Formação Profissional. Ao todo, 299 recém-graduados em cursos da área tecnológica, de 96 instituições paulistas, foram homenageados pelo Conselho no final de junho por apresentarem excelente desempenho acadêmico. A cerimônia aconteceu no Palácio dos Bandeirantes.

Renan Yuji (centro) durante cerimônia do CREA-SP: reconhecimento por desempenho acadêmico (Foto: Divulgação)

Durante a graduação em Engenharia Bioquímica na Escola de Engenharia de Lorena, Renan realizou duas iniciações científicas na área de Biologia Molecular e Etanol de Segunda Geração ­– neste último, foi estagiário no CTBE e se dedicou a um projeto relacionado ao reaproveitamento da biomassa lignocelulósica. Atualmente, o bolsista desenvolve seu projeto de mestrado com foco na caracterização bioquímica e biofísica de novas xilose isomerases para o reaproveitamento do material lignocelulósico, sob supervisão da pesquisadora do CTBE, Dra. Leticia Zanphorlin.

“Uma coisa que aprendi é que tudo que você se dedica a fazer uma hora acaba sendo reconhecido. Saber que seu trabalho está sendo reconhecido é muito gratificante”, avalia Renan. “Esta é uma etapa importante porque estou começando uma carreira neste ramo. Ninguém chega a lugar nenhum sozinho”, completa o bolsista do CTBE.

Outras informações sobre a premiação, bem como a lista completa de homenageados, pode ser conferida no site do CREA-SP: http://www.creasp.org.br/noticia/institucional/2018/06/29/premio-crea-sp-atinge-maioridade-destacando-os-melhores-alunos-da-area-tecnologica/2900.

CTBE integra comitê organizador de um dos principais eventos mundiais de biotecnologia

Diretor científico do CTBE/CNPEM, Mario Murakami é único cientista da América Latina a integrar organização do SBFC

Erik Nardini Medina

O congresso Symposium on Biotechnology for Fuels and Chemicals (SBFC), um dos principais fóruns de discussão sobre combustíveis avançados, aconteceu nos Estados Unidos entre os dias 29 de abril e 2 de maio de 2018, em Clearwater Beach (Flórida). O evento reuniu cerca de 300 participantes entre pesquisadores, doutorandos e tomadores de decisão da indústria de combustíveis de diversos países.

O Laboratório Nacional de Ciência Tecnologia do Bioetanol (CTBE), que integra o Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), teve participação relevante nesta edição: o diretor científico e pesquisador Mario Murakami foi convidado a unir-se ao comitê organizador do SBFC.

“O CTBE/CNPEM é o único centro de pesquisa da América Latina a ter um representante na comissão organizadora”, conta Murakami, que começou a participar do SBFC em 2013, sempre com apresentações orais de trabalhos. O diretor científico do CTBE permanece como membro do comitê organizador pelos próximos três anos.

O fórum abordou o futuro dos combustíveis avançados do tipo low carbon (combustíveis com baixa emissão de gases de efeito estufa), como o Etanol 2G. Foram levantadas questões gerais, desafios e gargalos tecnológicos existentes, compreendendo desde a escala laboratorial, passando pela engenharia e chegando à microbiologia e aos processos fermentativos.

Além de Murakami, que também apresentou trabalho no congresso outros colaboradores do CTBE/CNPEM foram a Clearwater Beach com contribuições fundamentais para a indústria de combustíveis avançados: Bruno Klein (palestra sobre bioeconomia); Letícia Murakami (apresentação de pôster) e a então pesquisadora do CTBE, Sarita Rabelo (apresentação de pôster).

“Fomos procurados para discutir parcerias importantes durante o congresso”, explica Murakami. “Representantes da Universidade da Califórnia (campus Davis), da Universidade de Houston (Texas), do NREL (Laboratório Nacional de Energia Renovável dos EUA), da Universidade de Toronto (Canadá) e o pesquisador Dr. Peter Biely (Academia de Ciências da Eslováquia), um dos grandes nomes da pesquisa com biomassa, se interessaram pelos nossos trabalhos e no estabelecimento de novas cooperações científicas”, conta. “Isso é sinal de que estamos no caminho certo e dedicados à solução de problemas científicos de alta complexidade”, conclui o diretor científico do CTBE.

Vagas: biologia molecular, enzimologia e modelagem/simulações de processos

Há oportunidades para bolsas CAPES para mestres e doutores no CTBE; interessados devem enviar currículo até 16/3

O Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE), que integra o Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), possui três vagas de bolsas CAPES para mestres ou doutores. Os interessados deverão encaminhar por e-mail: currículo e informações de contato até o dia 16 de março de 2018, para o endereço ctbecomunica@cnpem.br. O título do e-mail deve, obrigatoriamente, ser Oportunidade Biologia/Enzimologia/Modelagem. As bolsas começam a vigorar em junho/2018.

Requisitos/Perfil Desejado

Enzimologia (1 vaga):

  • Possuir PhD ou MsC;
  • Experiência em biologia molecular;
  • Desejável experiência em biologia estrutural e/ou enzimologia.

Biologia molecular (1 vaga):

  • Possuir PhD ou MsC;
  • Experiência com biologia molecular;
  • Experiência em processos fermentativos;
  • Desejável experiência com genética de leveduras.

Modelagem e Simulação de processos (1 vaga):

  • Possuir PhD ou MsC;
  • Formação em engenharia química;
  • Experiência com fermentação.

Valorização de biomassa é tema de evento no CTBE

Workshop Valorization of Renewable Resources – Recent Advances and Prospects é realizado em parceria com Fraunhofer e TUM

O Workshop Valorization of Renewable Resources – Recent Advances and Prospects: A Brazilian-German Technology Alliance, que acontece dia 9 de março, a partir das 8h30, no Auditório do Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE) – integrante do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM) – promoverá interações entre membros da academia, centros de pesquisa e indústrias da Alemanha e do Brasil. O objetivo é promover idéias que possam levar a futuros projetos colaborativos de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D).

Acesse o site do evento e consulte a programação completa.

O evento é dividido em três sessões que abrangem diferentes plataformas tecnológicas com vias à valorização da biomassa. Cada sessão discutirá técnicas de transformação de biomassa considerando:

– Processos biocatalíticos;
– Quimioterapia e química verde;
– Eletrocatálise: energia como recurso renovável;

A primeira sessão abordará estratégias inovadoras para a aplicação de biocatalisadores, incluindo processos catalíticos combinados, reações em cascata de enzimas, novas enzimas e processos enzimáticos tolerantes.

A segunda sessão apresentará idéias e novos conceitos de eletroquímica e quimioterapia, em particular, o desenvolvimento de materiais catalíticos e rotas químicas para processamento de biomassa e produção de produtos químicos. O uso da energia como recurso renovável para a síntese de moléculas de valor agregado também será explorado.

A terceira e última sessão será dedicada a oportunidades de financiamento (envolvendo as Agências de Financiamento Alemãs DAAD e DFG), bem como a FAPESP e a EMBRAPII.

CNPEM abre Programa Bolsas de Verão

Interessados devem se inscrever entre dias 9 e 18 de outubro

Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM) receberá no período de 09 a 18 de outubro inscrições de interessados em participar do 27º Programa Bolsas de Verãodestinado a estudantes de graduação universitária, matriculados em cursos de áreas das Ciências da Vida e Ciências Exatas de instituições de ensino localizadas em países da América Latina e Caribe. O Programa estimula jovens com vocação para pesquisa científica e atividades de desenvolvimento tecnológico. O Bolsas de Verão ocorrerá em janeiro e fevereiro de 2018, no campus do CNPEM, em Campinas, interior de São Paulo.

Os estudantes interessados em participar desta edição do Programa devem se atentar aos requisitos para inscrição e à documentação exigida, informações disponíveis no blog do Programa: pages.cnpem.br/bolsasdeverao.